# 211


A viagem para Bagan demorou 10 horas, num autocarro desconfortavel. Chegados ao hotel – um segredo que descobrimos no ano passado -, dormimos uma hora, demos umas bracadas na piscina para esquecer o calor e, ao fim do dia, instalados num restaurante com vista para o rio Ayeyarwady e o templo Lawkamanda, deixamo-nos inundar pela luz e cores do fim do dia. Perfeito. 

Anúncios

diga lá qualquer coisinha

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s