95


Não sei se se pode dizer que foi um dia azarado. Apesar de tudo, estou nos Açores.

Do início: comprei uma máquina nova ontem. Com bateria extra porque uma por dia não chega. O carregador não funciona bem, tal como uma das baterias. A outra carrega até meio, com sorte e muita paciência.

Dei um tralho ao sair de casa. Torci o pé esquerdo, o que não ajudou nas dores habituais no joelho direito. Sinto-me velha ao escrever isto. Cheguei ao aeroporto, check-in, segurança, pequeno almoço. Perdi o cartão de embarque quando faltavam 20 minutos para ter que o apresentar. E o B.I. Corrri de um lado para o outro e consegui resolver a situação. Já no avião, ao tirar uma caneta para escrever e fazer passar o tempo mais depressa, esta rebentou em cima dos jeans. Os meus preferidos, manchados de tinta preta.

Aterrámos no Faial. Sim, Açores! O dia mudou de feição. Chegar a um aeroporto à beira-mar traz logo outra luz ao dia. Adoro aeroportos pequenos, daqueles que exigem uma manobra complexa para parar o avião e em que podemos andar a pé pela pista. Carro alugado, lá fomos em direção a um pequeno acidente. Uma coisa estúpida, fiz disparate e fiquei meia hora agarrada à matrícula do carro, a rir a bandeiras despregadas.

Mas os azares ficaram por aqui. Amanhã há mais 🙂

Anúncios

diga lá qualquer coisinha

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s