96 faial


No segundo dia no Faial regressámos a todos os lugares onde já tínhamos estado. À Caldeira, aos Capelinhos e à Fajã, onde houve mais tempo para me deixar envolver pelo vento e o contraste da areia preta com as ondas de espuma.

A manhã foi passada na marina, a analisar cada desenho gravado no mural do cais. Podia lá ficar um dia inteiro, a descobrir mais e mais pormenores, nomes de barcos e marinheiros.

E descobrimos mais algumas ruas e praças da cidade da Horta…

E conduzimos por estradas cénicas, verdes, com vista de postal.

Anúncios

diga lá qualquer coisinha

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s